Mobilidade carioca – como funciona a nova malha metroviária pós Olimpíadas

Um dos grandes dilemas do carioca sempre foi a dificuldade de circulação dentro do Rio. Malha metroviária muito pequena, trens em condições péssimas, ônibus que levam horas para chegar a seu destino… Enfim, sempre é muito difícil para a gente fazer um trajeto de longa (e até mesmo média) distância.

Um dos legados das Olimpíadas por aqui foi a reformulação no traçado de mobilidade urbana da cidade: vias expressas de BRT (Bus Rapid Transit ou Transporte Rápido por Ônibus), mudanças nos trajetos das linhas de ônibus que circulam pela Zona Norte, Zona Sul e Centro, melhoria nos trens e estações e a tão aguardada Linha 4 do metrô, ligando a Zona Sul à Barra da Tijuca.

brt01
Foto: Site BRT Rio

O nosso BRT é inspirado no modelo de sucesso que funciona em Curitiba, cidade exemplo de modalidade urbana no Brasil. Os corredores expressos cortam pontos importantes, que sofriam muito com a dificuldade de locomoção por conta de engarrafamentos gigantescos (chegando esses a ultrapassar os de São Paulo nos últimos anos).

Já implantado, este transporte reduziu o tempo de viagem de muita gente, principalmente trabalhadores que moram distante de seus empregos. Ainda a ser inaugurado, o BRT da Av. Brasil será mais um marco, melhorando a fluidez na circulação na principal via expressa municipal.

A abertura da Linha 4 do metrô também facilitou a vida de quem faz o trajeto Centro-Zona Sul-Barra, diminuindo consideravelmente o tempo perdido em engarrafamentos diários.

Essas mudanças, além de facilitar a vida do trabalhador, também ajudará turistas a circularem pela cidade e, até mesmo, nós, moradores, a chegar a pontos distantes.

vlt01
Foto: G1

Quem também chegou e já está abalando é o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), sensação durante os Jogos Olímpicos. A leveza do transporte está em propiciar menor consumo de energia e acessibilidade. Sem catracas, o pagamento é feito dentro dos trens, o que traz para a cidade aquela sensação de “civilidade” que todo mundo sente ao viajar para grandes cidades que possuem o mesmo sistema de cobrança.

 

Mais que uma ligação da rodoviária para o aeroporto Santos Dumont (até porque ele não é muito rápido), o VLT está nos fazendo descobrir um Centro por vezes desconhecido. A Orla Conde (que sempre será chamada de Boulevard Olímpico) ganhou vida e, independente do dia, há pessoas passeando no local graças ao VLT.

malha carioca.png
A malha do transporte público carioca

Nossa malha metroviária está se tornando, a cada dia, mais eficiente. O transporte sempre foi uma das maiores reclamações de moradores e visitantes. Agora, aos poucos, esse legado de melhoria se torna real, nos ajudando a circular por todas as áreas da cidade, deixando carros na garagem e conectando uma cidade, por anos, partida.

Mais informações:
BRT Rio
Metrô Rio
VLT Rio
Super Via (trens)
Rio Ônibus

Texto: Will Senter

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s